Políticas Linguísticas em Angola e Moçambique

Trabalhos publicados

SEVERO, Cristine Gorski; SASSUCO, Daniel; BERNARDO, Ezequiel P. J. . Português e Línguas Bantu na educação angolana: da diversidade como ‘problema’. LÍNGUA E INSTRUMENTOS LINGUÍSTICOS, v. 43, p. 290-307, 2019.

BERNARDO, Ezequiel Pedro José. Identidade linguístico-cultural: fragmentos de enunciados proverbiais da língua kimbunduRevista Digital de Políticas Lingüísticas (RDPL), v. 11, 2019, p. 114-129.

DE OLIVEIRA, Heloisa T.; SEVERO, Cristine G. Intelectuais, lutas de resistência e línguas em Angola. REVISTA TRANSVERSOS, v. 1, p. 127-140, 2019.

BERNARDO, Ezequiel Pedro José; SEVERO, Cristine Gorski. Políticas Linguísticas em Angola: Sobre as Políticas Educativas In(ex)clusivasRevista da Abralin, v. 17 , n. 2, p. 210-233, 2018.

PONSO, Letícia Cao; NHAMPOCA, Ezra C. Uso ritual das línguas bantu nas cerimônias do lobolo e da kutchinga. PAPIA (BRASÍLIA), v. 28, p. 133-148, 2018.

BERNARDO, Ezequiel Pedro José (Bindumika). Breve abordagem sobre provérbios angolanos a partir da perspectiva de Whitney e HumboldtLINGUAGEM – Est. e Pesq., Catalão-GO, Número Especial, 2018. p. 67-80.

OLIVEIRA, Heloisa Tramontim de. Língua portuguesa em Angola: silenciamentos, isolamentos e hierarquias. Revista da Abralin, v. 17 , n. 2, p. 234-269, 2018.

PONSO, Letícia Cao. O Estatuto do Português e das Línguas Bantu Moçambicanas Antes, Durante e Depois da Luta pela Independência da Nação Em 1975. Linguagem: Estudos e Pesquisas, v. 20, p. 1-30, 2017.

BERNARDO, Ezequiel Pedro José (Bindumika). Norma e variação linguística: implicações no ensino da língua portuguesa em AngolaRevista Internacional – África em Língua Portuguesa:  Variação no português africano e expressões literárias. AULP, IV Série, Nº 32, 2017. p. 37-52.

PONSO, Letícia Cao. O contato entre o português e as línguas bantu em Moçambique: a alternância de atitudes sobre o estatuto social das línguas em jovens universitários. Cadernos de Letras da UFF, v. 26, . 53, p. 121-144, 2016.

OLIVEIRA, Heloísa Tramontim de. A relação das línguas com a construção do Estado-nação angolano. In: Ilka B. Leite; Cristine G. Severo. (Org.). Kadila: culturas e ambientes – Diálogos Brasil-Angola. 1ed.São Paulo: Blucher, 2016, v. 1, p. 219-240.

OLIVEIRA, Heloísa Tramontim de. Língua, nação e nacionalismo em Angola: violência e resistência linguística. Dissertação de mestrado. Programa de Pós-Graduação em Linguística da Universidade Federal de Santa Catarina, 2016.

NHAMPOCA, Ezra ChambalEnsino Bilíngue em Moçambique: introdução e percursos. Working Papers em Linguística (Florianópolis. Online), v. 16, n. 2, 2015. p. 82-100.

SEVERO, Cristine Gorski; MAKONI, Sinfree. B. Políticas Linguísticas Brasil-África: Por uma perspectiva crítica. Florianópolis: Insular, 2015. 136p.

Políticas Linguísticas Críticas

Políticas Linguísticas Críticas

SASSUCO, Daniel Peres. Línguas atuais faladas em Angola: Entrevista com Daniel Sassuco. Cadernos Textos de Debates, NUER, n. 13, 2015.

Entrevista com Daniel Sassuco, sobre as línguas de Angola

Entrevista com Daniel Sassuco, sobre as línguas de Angola

SEVERO, Cristine Gorski. Línguas e Estados Nacionais: Problematizações históricas e implicações políticas. In: Carlos Serra (Org.) Estão as Línguas Nacionais em Perigo?. Maputo: Escolar Editora, 2014, p. 9-36.

Estao as linguas nacionais em perigo?

 

MAKONI, Sinfree. B. ; Severo, Cristine Gorski . Lusitanization and Bakhtinian perspectives on the role of Portuguese in Angola and East Timor. Journal of Multilingual and Multicultural Development, v. 1, p. 1-12, 2014.

SASSUCO, Daniel. Formas de Dizer em Angola. Revista Subtrópicos, EdUFSC, n. 9, 2014, p. 6-7.

SEVERO, Cristine Gorski. Línguas e discursos: Heterogeneidade linguístico-discursiva e poder em Angola. Veredas. Revista da Associação Internacional de Lusitanistas, v. 15, p. 19-46, 2011.

PONSO, Letícia Cao. O português no contexto multilíngue de Angola. Confluência (Rio de Janeiro), v. 35-36, p. 147-162, 2009.